sexta-feira, outubro 27, 2006

“Do What Ye Will, An Ye Harm None”

("Faz O Que Quiseres, Sem Prejudicar Ninguém" - Lei Wiccan)

Passos que aprendemos, percursos que decidimos
Atitudes que tomamos, resultados que aceitamos.
Meditar e interpretar, concentrar-se e alcançar
Vida que se renova no íntimo cansado do nosso ser.

Existência posta à prova,
Expectativas tremendas que não sabemos cumprir
Pressões terríveis que não conseguimos carregar
Como é fácil tornarmo-nos uma decepção…

Desafio próprio de se descobrir uma forma
Luta pessoal por criar um modo de caminhar,
Tornar a vida numa experiência
incendiada,
colorida,
intensa,
excitante,
viva,
Real!

Uma e outra vez ouvir e sentir,
Saber e escolher,
Agir como se deseja
O verdadeiro duelo da atitude perante a vida.

Apenas errar, aprender, errar de novo,
Simples obstáculos, desafios que ultrapassamos,
Ferimos os outros e ferimo-nos
E então compreendemos e crescemos.

Hábitos e egoísmos, culpas e medos …
Vontade que se revela de formas tão estranhas,
Só que nada é verdadeiro e tudo é permitido
Para lá do entendimento…
a Magia!


17 Comments:

Anonymous mfn said...

Olá Titanicamente,

este é deveras fantástico...

Pois, assim a vida nos faz e assim cumprimos vida, fazendo também vida.

A vida é tudo aquilo que fazemos. São os erros, as lições, os medos,as glórias, as nossas paixões,enfim, todos os nossos momentos são preenchidos pela intensidade e emoção que lhe queremos dar.

A vida é na verdade algo sempre a descobrir e essa descoberta a fazemos consoante a nossa forma de estar nessa mesma vida. Intensa,colorida, incendiada, excitante, viva, e real nós a fazemos ou não...

Desejo que consigamos todos olhar a vida de facto como a esperamos.

Foi lindo este momento que me proporcionaste de leitura.

Obrigado sempre.

Bj,
mfn

27 outubro, 2006 12:19  
Blogger dreams said...

a vida é uma eterna experiência...
da qual não podemos apagar os erros cometidos...
temos que analisar as decisões que tomamos, e que nos afastam do caminho que tínhamos inicialmente proposto, e decidir que rumo tomar então...
porque todos erramos, mas mais erra quem não aceita o erro e passa a vida a lamentá-lo...

foram as minhas decisões que me conduziram aonde estou hoje...
mal, ou bem, fui eu quem escolhi o caminho...

arrepender... talvez, mas se a decisão foi tomada era porque parecia a acertada...
o que resta fazer é aceitar a decisão que tomamos e fazer da nossa vida o melhor possível...

um beijo doce * com carinho
“·.¸Dreams¸.·”

27 outubro, 2006 14:25  
Blogger ≈♥ Nadir ♥≈ said...

O tempo passa, a vida esmorece, mas…

No compasso lento das horas
Numa corrida contra o tempo
Marco presença mesmo
Que seja só para desejar
BOM FIM DE SEMANA!!!

Beijos
Nadir

27 outubro, 2006 16:43  
Blogger Bruxinhachellot said...

Já me senti muitas vezes assim e sei o quanto é ruim decepcionarmos quem amamos. Também aprendi que somos seres falhos e que qualquer um pode errar. Então passei a viver para mim, para me realizar.
A vida pode ser decepcionante, mas você pode torná-la maravilhosa.

Beijos azuis.

27 outubro, 2006 23:34  
Blogger margusta said...

Olá querida Titania,
...passo para te deixar um beijinho, desculpa a aus~encia mas tenho andado um bocado afastada da net...

O TEU POEMA TEM A TUA MARCA...está muito bonito...é assim é a VIDA!...

Bom fim de semana amiga!

28 outubro, 2006 01:33  
Blogger AS said...

Belissimo post!
Cada dia é um verdadeiro teste á nossa existência, á nossa capacidade de vencer as dificuldades...


Um beijo...

29 outubro, 2006 19:22  
Blogger MeyLy© said...

¡Amiga! :)... paso a reconfortarme con tus letras titanicas y hermosas :)... espero que estes bien.
Un abrazo y un beso de brisa.

31 outubro, 2006 02:18  
Blogger caninos said...

Tit...

Belas imagens, diria tbem que belas palavras as tuas... pegando numa mão cheia delas...

Tornar a vida numa experiência
incendiada,
colorida,
intensa,
excitante,
viva,
Real!

Digo-te minha querida, senti tanta falta do mundo real, tanta mesmo!

Por isso, me ausentei um pouco do virtual...se bem que tu fazes parte do real... e dum real muito bonito!

Beijos

31 outubro, 2006 12:35  
Blogger Lumen Origine said...

E na magia do fogo interno respeitamos e amamos como irmãos de luz qualquer presença que a onda de vida trás para o nosso momento atraída por nós...

04 novembro, 2006 00:38  
Blogger MeyLy© said...

"Una y otra vez sentir", ¿alguna vez dejaremos de sentir?, yo no quisiera dejar de sentir nunca.
Haber que pasa querida amiga :)
Un beso y un abrazo de brisa.

04 novembro, 2006 03:34  
Blogger Ana P. said...

Bom dia.

Gostei da mensagem que o post transmite.

Beijos

04 novembro, 2006 11:05  
Blogger Luigi said...

Se nos propusermos a seguir no caminho da vida sabendo de antemão que podemos cair a qualquer instante, estaremos conscientes que mais vale perceber a origem dos nossos medos do que fugir desesperadamente deles. e é assim que me sinto. Obrigadoo pelas tuas palavras.

beijos

04 novembro, 2006 16:06  
Blogger MeyLy© said...

Abrazos y besos Titania :)

07 novembro, 2006 23:42  
Blogger MacLord said...

Como aprender Sem Caminhar
Vomo Sentir sem Ousar
Como saber o sabor da àgua sem a Tomar
Como Sentir o Calor da Chama sem a Tocar

Sem Prejudicar Fazemos,e assim Vamos Fortalecendo as certezas que acendem a Chama que Ilumina o Caminhio que Percorremos.

Caminhar, Tropeçar, Caír, Provar os Gosto da Vida nos Lábios e Seguir em Frente.

As Above, So Bellow!

BB
)O(

08 novembro, 2006 17:21  
Blogger ≈♥ Nadir ♥≈ said...

não se consegue apagar aquilo que fica escrito no livro da vida...

beijos e um bom fim de semana

10 novembro, 2006 12:07  
Blogger ≈♥ Nadir ♥≈ said...

....oooO
....(....)... Oooo
.....)../. ...(....)
....(_/.......)../
..............(_/
....oooO
....(....)... Oooo
.....)../. ...(....)
....(_/.......)../
..............(_/
...... Passei por aqui
......... E desejo
......... Uma boa Semana
BEIJOS

13 novembro, 2006 22:10  
Blogger AzraelAngel said...

revi-me em muitas linhas det post ....

bateu fundo!

o meu sincero obrigado...

19 dezembro, 2006 13:01  

Enviar um comentário

<< Home


Druidess Druid