sexta-feira, dezembro 16, 2005

UMA ESTRELA

É preciso sentires o caos na tua Alma para de ti nascer uma Estrela que dança” - Nietzsche


4 Comments:

Blogger MacLord said...

Uauuuuuuuuuuuuuuuuuuuu.........
Simplesmente Magnifico!

É Preciso Descer-se ao Inferno para se Entender o Paraíso.

E perante essa Imagem e o Texto que a Completa, Todas as palavras se perdem no meio da sua Grandeza.

BB
)O(

16 dezembro, 2005 18:51  
Blogger ernesto esteves said...

Olá,
Gostei muito de ter estado a teclar contigo.
Obrigado pela consideração.
Parabéns por este post... é uma grande realidade ;)

16 dezembro, 2005 20:55  
Blogger margusta said...

Plá Titania,

...Uma grande verdade...Lindo.

Passo para te desejar um Feliz Natal e que 2006 te traga tudo aquilo que mais desejares.

A partir de Janreiro espero poder começar a visitar-te com mais frequência.

Um beijinho.

17 dezembro, 2005 11:46  
Anonymous mfn said...

Olá!

“É preciso sentires o caos na tua Alma para de ti nascer uma Estrela que dança” - Nietzsche

Pode ser verdadeiramente correcta esta ideia… assim como aquela que “As estrelas brilham em todo o lado”. Concordo mais com a segunda afirmação pelo simples facto de que, a estrela já existia. Não estava era a brilhar com boa intensidade, foi necessário tomar de novo consciência do calor e amor que poderia dali renascer. Há estrelas que dançam, brilham e cansam mais que o recomendável. Certamente não serão essas as melhores estrelas, pois, aquele brilho sereno e duradouro dá-nos mais certezas, alegrias e tranquilidade.

Titanicamente, mais um lindo momento que nos proporcionaste para a reflexão.
Obrigado.

Um bj,
Manuel

31 dezembro, 2005 18:54  

Enviar um comentário

<< Home


Druidess Druid