segunda-feira, junho 30, 2008

DESPIDA DE TUDO

Vestida de nada
Despida de tudo
Penso e não gosto
Vejo e não quero

Sol de Vida
Sol transparente
Sol verdade
Sol que mata

Mergulho fundo e não sei voltar
Adormeço e não vale acordar
O sono pesa, a vida custa
A força persiste, o corpo resiste

Que o que sei e o que esqueço
Sejam um só
Que o que lembro e desejo
Regressem um dia

Noutra Vida…

4 Comments:

Blogger beta said...

E é por isso que os Deuses nos concedem várias vidas... Para que consigamos um dia ter a certeza que atingimos a nossa planitude :)

02 julho, 2008 09:01  
Blogger O Profeta said...

E este Sol impõe a claridade
Pôs no celeste a Lua a bocejar
Perdi a conta das estrelas no céu
Ergui-me em bicos para as contar


Voa comigo sobre as emoções


Mágico beijo

09 julho, 2008 18:08  
Blogger Bruxinhachellot said...

Noutra vida renasci nua sem nenhum vestígio do meu antigo eu.

Beijos de sol.

17 julho, 2008 14:37  
Anonymous Linda said...

Hello dear friend

Very good your blog

I congratulate!!!

Very nice day !!!!

01 outubro, 2008 15:36  

Enviar um comentário

<< Home


Druidess Druid